Blog

Santoinho – Décadas de Tradição!
6 de agosto de 2018
Braga avança com o Programa ‘School BUS’
5 de setembro de 2018
Mostrar tudo

Viana investe mais de 9 ME em infraestruturas de desporto e educação

 

 

O presidente da Câmara de Viana do Castelo disse que o Município vai investir neste ano letivo mais de nove milhões de euros na requalificação de infraestruturas de desporto e educação do concelho.

“Neste ano letivo [2018/2019] o município de Viana do Castelo vai investir nove milhões de euros em equipamentos escolares. Isso só foi possível graças à colaboração que tivemos do Ministério da Educação e através, também, dos financiamentos comunitários”, afirmou o socialista José Maria Costa.

O autarca, que falava durante a inauguração do pavilhão Atlântico, o quinto situado na zona urbana de Viana do Castelo e que representa um investimento municipal de 1,3 milhões de euros, referiu que, “num momento em que se fala tanto de descentralização, esta parceria é um bom exemplo do que é possível fazer com uma parceria verdadeira entre a administração central, as autarquias e os agrupamentos escolares”.

Segundo o presidente da Câmara, os mais de nove milhões de euros serão destinados, entre outras obras, à requalificação dos pavilhões desportivos das escolas EB 2,3 Frei Bartolomeu dos Mártires, EB 2,3 e Secundária de Barroselas, da EB 2,3 Pintor José de Brito, em Santa Marta de Portuzelo, da EB 2,3 de Castelo do Neiva, bem como à reabilitação de duas cantinas escolares.

O pavilhão desportivo hoje inaugurado, na avenida do Atlântico, que dá acesso à Praia Norte, começou a ser construído em março de 2017, num terreno com 1.785 metros quadrados.

Presente na inauguração do equipamento, o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, disse tratar-se de um “pavilhão fantástico que vem dar resposta às necessidades do agrupamento escolar de Monserrate e que vai dar apoio à comunidade local”.

O pavilhão integra uma área de jogo que permite a prática de basquetebol, vestiários e balneários para 20 atletas cada, vestiários para treinadores e árbitros, primeiros socorros e apoio médico, uma receção, uma cafetaria e áreas técnicas e de arrecadação. A bancada tem capacidade de 152 lugares sentados.

O pavilhão, que inclui um painel de azulejos do artista Mário Rocha e foi construído num terreno municipal, junto à Escola EB 2,3 Pedro Barbosa, dará apoio àquela comunidade escolar, “evitando que os alunos atravessem o arruamento ali existente para se deslocarem ao pavilhão de Monserrate”.

O financiamento foi suportado pelo empréstimo bancário de quase 3,9 milhões de euros que o município decidiu contrair em junho de 2016.

Fonte: TVAltoMinho